Aprenda Como Impermeabilizar Baldrame

Antonio Neves
Escrito por
Antonio Neves
Publicado em
4/6/2020
Atualizado em
20/4/2021
Aprenda Como Impermeabilizar Baldrame

Aprenda como impermeabilizar baldrame

O baldrame, também conhecido como fundação, é uma estrutura elementar para qualquer obra.

Essa parte da construção recebe a carga das paredes e do restante da construção, logo, para manter uma base conservada e evitar futuros problemas de infiltração, é preciso saber como impermeabilizar baldrame.

Neste artigo, vamos explicar como funcionam os processos da impermeabilização do baldrame e quais etapas você não pode ignorar nessa empreitada. Ficou interessado? Acompanhe a seguir!

impermeabilizante para pressão negativa
Blok EP 2
Resina Impermeabilizante para Pressão Negativa
CONHEçA AGORA
[Livro Gratuito] Impermeabilização Por Pressão Negativa e Positiva
MATERIAL GRATUITO

[Livro Gratuito] Impermeabilização Por Pressão Negativa e Positiva

baixe grátis

Tipos de baldrame

Antes de falarmos sobre como impermeabilizar baldrame, é importante que sejam explicados os tipos de baldrame e as condições necessárias de preparo da superfície.

A estrutura do baldrame pode ser feita de algumas formas, podendo ser um radier, sapata corrida ou uma viga baldrame.

Nesse artigo iremos falar sobre a impermeabilização, mas em vigas baldrame. Mas o processo de preparo e aplicação do impermeabilizante de uma estrutura para outra acaba variando muito pouco.

Se você optar por fazer uma viga baldrame na sua obra, ela poderá ser de duas formas, enterrada ou sobre a terra. Caso ela seja enterrada, geralmente é realizado o assentamento de, pelo menos, uma fiada de tijolos, que é conhecida como alvenaria de nivelamento.

Como preparar o baldrame para a impermeabilização

O processo de impermeabilização não consiste apenas em escolher o produto e aplicá-lo na superfície, mas também em prepará-la da forma correta para que o produto possa ter o melhor desempenho possível.

Dessa forma, a regularização do baldrame é uma etapa fundamental do processo de impermeabilização, uma vez que a argamassa de regularização tornará a superfície uniforme e sem pontos em que o poderão ficar sem o impermeabilizante.

Para que a regularização seja feita da forma correta, a superfície precisa ser chapiscada e rebocada, sempre de acordo com a ABNT NBR 7200.

O tempo de cura do cimento, tanto no chapisco, quanto no reboco, devem ser respeitados, para que a impermeabilização seja feita em uma superfície que está preparada para receber outros materiais por cima dela.

Por que a impermeabilização de baldrame é importante?

A impermeabilização do baldrame é a primeira a ser feita. É ela que garante boa parte da estabilidade, solidez e segurança estrutural de uma edificação. Logo, assim que a superfície é regularizada, é hora de colocar as mãos na obra.

Se o baldrame não é impermeabilizado, tanto a fundação quanto a alvenaria podem ficar desprotegidas com relação aos problemas de infiltração e umidade.

Isso fará com que pontos de umidade na base das paredes apareçam muito mais do que o normal, abrindo caminho para manifestações patológicas comprometedoras.

A impermeabilização do baldrame é um assunto sério e precisa ser feita de forma correta. Vale ainda ressaltar que trata-se de um elemento enterrado e, com isso, caso seja preciso manutenção ou obra de reparo, a obra será potencialmente difícil e, por vezes, inviável.

Como impermeabilizar baldrame da melhor forma?

O procedimento de impermeabilização é muito delicado e requer um trato profissional com produtos especiais. A primeira coisa a ser feita é a desforma da estrutura, com todo cuidado para que não haja dano.

Depois disso, lave tudo para remover qualquer sujeira da superfície e espere o concreto curar. Prossiga na etapa do chapisco de modo normal, acompanhando sempre as orientações nos materiais utilizados. Por último, rebocar a superfície, deixando o acabamento desempenado, mas sem "queimar", pois poderá prejudicar na ancoragem do impermeabilizante.

Com a regularização curada, é hora de aplicar a argamassa impermeabilizante. Ela precisa estar aditivada com o impermeabilizante de qualidade para ajudar na barreira contra a umidade.

Aplique o impermeabilizante conforme a indicação do fabricante e atente-se para o tempo de cura indicado. Fazendo todos esses processos da forma correta, você terá no final um baldrame impermeabilizado e irá proteger toda a etapa inicial da sua construção.

Quais são os erros mais frequentes no processo?

Algumas falhas podem surgir durante a aplicação. Listamos as mais comuns para que você fique atento e não repita o mesmo erro.

Despreparo da superfície

Se a superfície não estiver bem preparada, o produto não agirá de maneira correta. Mantenha o local limpo e livre de qualquer impureza como poeira, desmoldantes, terra e pontas de armadura.

Aplicar o impermeabilizante sobre a superfície sem regularização também é outro fator que poderá tornar a impermeabilização do baldrame falha.

Baixa qualidade dos produtos

Evite comprar materiais de baixa qualidade. Muitas vezes, você pode preferir pagar mais barato, mas só pagará mais caro ao final, caso o processo não funcione. Se você quer evitar gastos em reparos estruturais, esteja pronto para investir um pouco mais.

Respeito às quantidades

Não use menos impermeabilizante do que o indicado no rótulo do produto. A informação presente no material é testada e comprovada, por isso deve ser respeitada.

Se você não seguir as instruções à risca, poderá ter problemas futuros.

Cuidado com os tempos

Assim como as informações sobre as quantidades ideais, o tempo de cura também precisa ser respeitado.

É muito comum que haja a pressa para levantar as paredes antes do tempo, mas é preciso controle.

A aplicação dos impermeabilizantes demandam o tempo correto de cura entre as demãos e também após a aplicação ser finalizada.

Agora que você já viu nossas dicas sobre como impermeabilizar baldrame, que tal conferir nosso artigo sobre a importância da impermeabilização por pressão negativa e positiva? Explicamos como a escolha do produto certo pode fazer toda a diferença e evitar problemas irreparáveis e ajudará você a escolher o melhor impermeabilizante para a fase da sua construção.

Resumindo as informações e os próximos passos

Nesse artigo falei sobre os tipos de baldrames, a importância do preparo do substrato, tempo de cura em cada etapa, tanto de preparo quanto da aplicação do impermeabilizante e também a importância de escolher o material correto para a impermeabilização.

Se você chegou até aqui e ficou com alguma pergunta, fique a vontade para entrar em contato com a Blok, estamos aqui, para qualquer desafio.

Entre para o time dos
melhores profissionais
da indústria da contrução civil
e mantenha-se sempre
informado sobre os maiores
avanços da sua profissão.