Graute: você sabe tudo sobre o assunto? Entenda agora

Antonio Neves
Escrito por
Antonio Neves
Publicado em
6/12/2021
Atualizado em
6/12/2021
Graute: você sabe tudo sobre o assunto? Entenda agora

Quando o assunto é construção civil, não se pode negar que o concreto é um dos materiais mais utilizados em uma obra. Por seu uso ser indispensável durante várias etapas de uma construção ou até mesmo para confeccionar produtos, como os pisos cimentícios e revestimentos 3D, foram criados diversos mecanismos que facilitam o seu manuseio e ampliam sua aplicação, sendo o graute um deles. Se você trabalha na construção civil, deve estar cansado de saber que o graute é um grande aliado para agilizar alguns processos durante a execução de uma obra.

Mesmo sabendo sua importância, acredito que não saiba tudo sobre ele e, provavelmente, é por isso que está aqui hoje. Com certeza, grande parte das informações que trago neste artigo já são óbvias para você, mas garanto que muitas delas você ainda não tem conhecimento. Então, leia com atenção para confirmar que estou falando a verdade.

Aqui, você vai aprender o que é graute e para que ele serve, quais são seus tipos, quais as vantagens que ele proporciona, como preparar o graute, onde você pode utilizar graute nas suas obras, os cuidados necessários e, no final, você tem acesso a um bônus especial: conhecerá o melhor superplastificante para o concreto. Leia com atenção para entender tudo sobre o graute. Venha comigo!

superplastificante para concretos, argamassas e grautes
BlokGraute Pro+
Superplastificante para Concretos, Argamassas e Grautes
CONHEçA AGORA
Eflorescência: Saiba Tudo Sobre Essa Patologia
MATERIAL GRATUITO

Eflorescência: Saiba Tudo Sobre Essa Patologia

baixe grátis

O que é graute e para que serve?

Vamos começar do começo: entender o que é graute e para que ele serve em uma obra.

O graute nada mais é que uma mistura composta de materiais muito utilizados em uma construção, como água, areia, cimento e pedras pequenas, além de aditivos que controlam a sua fluidez. Aliás, esse é o seu grande diferencial: sua fluidez, que possibilita que seja utilizado em alguns casos específicos que exigem essa característica normalmente não encontrada no concreto normal.

A mistura fluida dispensa o adensamento por vibração e serve para preencher locais específicos de uma obra. Assim, podemos dizer que o graute serve para envolver, reforçar e recuperar estruturas além de poder ser usado para chumbar tirantes, fixar equipamentos ou preencher colunas de alvenaria estrutural. Essas aplicações exigem que o concreto esteja mais fluido, sendo justamente essa a característica diferencial do graute.

Podemos resumir, portanto, que o graute é uma mistura que serve para reforçar partes da estrutura e preencher vazios.

Quais são os tipos de graute?

Os grautes podem ser divididos em dois tipos, diferenciando quanto à composição e finalidade, podendo ser de base mineral ou orgânica. Os dois tipos são:

  • Graute de base mineral: é o graute mais comum, utilizado em diversos tipos de construções em geral e apresenta custo baixo. É composto por uma base cimentícia.
  • Graute de base orgânica: tem composição de base orgânica, constituído por resinas epóxi derivadas do petróleo. Possui custo mais elevado e é mais indicado para condições especiais, como obras industriais, execuções sob altas temperaturas e para uso submerso. Apresenta vantagens interessantes para esses casos específicos.

Nosso foco de hoje é o graute cimentício, de base mineral. Mas é importante você saber que existe o de base orgânica também.

O graute pode ser comprado pronto em sacos, bastando apenas mistura-lo com água ou pode ser produzido no canteiro de obras, misturando todos os componentes.

Essa segunda forma de graute é interessante quando falamos em fábricas de pisos cimentícios ou revestimentos 3D, por exemplo, que precisam do concreto com uma característica específica. Assim, ao fabricar o próprio graute, dá mais liberdade para trabalhar com as especificações conforme o desejado.

Quais são as vantagens do graute?

O graute proporciona algumas vantagens muito atraentes para qualquer canteiro de obras. Vamos citar algumas delas para que você também fique sabendo:

Consistência: a fluidez, seu grande diferencial, traz a possibilidade de preencher os mais diversos espaços de uma obra, evitando as bicheiras, por exemplo.

Agilidade: por não precisar utilizar vibradores de concreto para adensar a superfície, a obra ganha tempo com o uso de graute, o que representa uma grande vantagem para qualquer obra.

Requer pouco uso de água: por conta dos aditivos superplastificantes, o graute demanda pouca água e ainda garante um bom resultado final.

Proteção e resistência da estrutura: o graute reforça a proteção dos componentes da estrutura de sustentação contra deterioração e corrosão, tornando-a mais resistente.

Acabamento: o graute também vai bem em quase qualquer condição de aplicação, não deteriorando ou perdendo o acabamento.

Como você pôde notar, as vantagens principais de se utilizar graute são várias e, talvez seja por isso, que é um material indispensável durante a execução de uma obra, não é mesmo?

Como preparar o graute?

Como já falei mais acima, o graute pode ser preparado no próprio canteiro de obras (ou em qualquer outro local que for utilizá-lo) ou pode ser adquirido já pronto, em sacos industrializados.

Se você optar por comprar o industrializado, basta seguir a recomendação para adicionar a quantidade exata de água para que obtenha uma massa com consistência adequada. É indicado para ter mais controle e segurança, pois o padrão é mantido.

Caso queira formular o graute no próprio canteiro de obras ou durante algum processo específico, o traço do graute deve ser definido de acordo com a consistência necessária para a sua finalidade de aplicação.  Quando se trata de fabricantes de pisos cimentícios ou revestimentos 3D, essa opção é mais indicada.

Onde você pode usar graute nas suas obras?

O graute possui algumas aplicações distintas dentro de uma obra. Assim, é utilizado para: preencher colunas de alvenaria estrutural, aumentar a resistência de paredes, corrigir falhas nas estruturas (como trincas e fissuras), reforçar e recuperar estruturas, encamisamento, fixar equipamentos e máquinas a uma base e chumbar fixadores e tirantes.

As características de fluidez que o graute apresenta possibilita a ampliação do seu uso em todas essas situações. Assim, o graute é uma opção excelente para várias situações, mas é imprescindível que se escolha a composição certa além de realizar a aplicação de forma correta. É sobre isso que vamos falar no próximo tópico.

Cuidados ao usar graute na sua obra:

Apesar do graute apresentar inúmeras vantagens para uma obra, é fundamental que alguns cuidados sejam tomados para garantir um resultado satisfatório. De nada adianta saber todos os seus benefícios se a aplicação não é executada da forma correta. Portanto, vamos entender os dois principais cuidados que você precisa se atentar:

Composição: você precisa ter atenção na hora de escolher o graute para que a composição seja adequada conforme a necessidade de aplicação que você precisa. Se for misturar os componentes e formular o graute, essa atenção deve ser redobrada.

Aplicação: a aplicação faz toda a diferença no resultado final. Assim, é importante que os profissionais saibam qual a consistência correta e como deve ser feita a aplicação do material.

Garantindo esses dois pontos, as chances de dar errado diminui bastante.

BlokGraute Pro: o superplastificante perfeito para o seu concreto!

Agora é hora de conhecer o melhor superplastificante para grautes: BlokGraute Pro, um aditivo superplastificante de alto desempenho que possui características químicas que atendem, principalmente, aos mercados de indústrias de pré-moldados e concretos protendidos, os quais requerem maior durabilidade e desempenho do produto final.

Portanto, se você vai fabricar o seu próprio graute, precisa utilizar BlokGraute Pro para entender como ele faz toda a diferença tanto durante a execução como no resultado final. Converse com a equipe da Blok para entender melhor o que estou falando.

Conclusão

Gostou de aprender sobre o graute? Interessante, não é? Então, quando for utilizá-lo na sua obra, não se esqueça de conversar com a equipe da Blok para conhecer (caso ainda não conheça essa solução fantástica) BlokGraute Pro, o melhor superplastificante para graute do mercado.

Espero que este artigo tenha te ajudado a entender mais sobre esse assunto. Fique ligado nos próximos artigos para melhorar ainda mais a qualidade das suas obras. Até a próxima!

Entre para o time dos
melhores profissionais
da indústria da contrução civil
e mantenha-se sempre
informado sobre os maiores
avanços da sua profissão.