Mármores: saiba quais são seus tipos e como fazer a escolha certa!

Antonio Neves
Escrito por
Antonio Neves
Publicado em
12/4/2021
Atualizado em
20/4/2021
Mármores: saiba quais são seus tipos e como fazer a escolha certa!

O mármore é um material que encanta a qualquer um, por conta da sua capacidade de incluir elegância e sofisticação para qualquer ambiente. Seja no piso, como revestimento em escadas, lareiras, bancadas e cubas, o mármore pode ser utilizado de diversas maneiras e dá outra cara para qualquer área. Você já deve ter percebido como o mármore está sendo cada vez mais incluído nos projetos arquitetônicos, deixando-os mais bonitos e requintados, não é mesmo? Se está pensando em utilizar mármores para seu projeto ou se apenas quer saber como conservá-lo melhor, este artigo é para você!

Aqui, separamos algumas informações muito importantes sobre os mármores e como existem diversos tipos deles, é essencial que você saiba suas diferenças para escolher o tipo certo de mármore e em quais locais vale a pena usá-lo. Portanto, aqui neste artigo, você vai aprender sobre as diferenças entre o mármore e outros tipos de pedras, quais são seus tipos e cores, qual o valor, acabamentos mais comuns e, por fim, como deve ser feita sua manutenção. Então, leia este artigo até o final, pois tenho certeza que ele será útil para você! Vamos lá!

hidrofugante para pisos porosos
BlokSeal Pisos
Hidrofugante para Pisos Porosos
CONHEçA AGORA
Eflorescência: Saiba Tudo Sobre Essa Patologia
MATERIAL GRATUITO

Eflorescência: Saiba Tudo Sobre Essa Patologia

baixe grátis

Quais as diferenças entre mármore e outros tipos de pedras?

Vamos entender, primeiramente, algumas diferenças importantes entre o mármore e outros tipos de pedras.

Quando falamos em granito, há diferenças nítidas entre esse tipo de pedra e o mármore, apesar de ambas serem pedras naturais. Dentre elas, podemos observar diferenças quanto:

  • ao brilho: o mármore possui menos brilho natural que o granito. Porém, há técnicas de acabamento que podem mudar esse quadro.
  • à dureza: o granito é mais resistente e mais duro que o mármore, porém isso não significa que o mármore seja frágil.
  • à textura: enquanto que o granito é mais granulado, o mármore possui marcas parecidas com veias.
  • à porosidade: o mármore é mais poroso que o granito, estando mais sujeito à umidade. Portanto, requer maiores cuidados.

Quanto às pedras sintéticas, é possível encontrar inúmeras delas no mercado, porém não oferecem o charme de um mármore legítimo, que dá originalidade e valorizam os ambientes. Mas, ainda são uma boa opção por serem bem mais baratas.

Quais são as cores e tipos de pedra de mármore?

Você já deve conhecer os tipos mais comuns de mármore, mas cabe aqui ressaltá-los para entendermos melhor cada um deles. Os tipos e cores mais comuns são:

  • Mármore Carrara: é originário da Itália e é um dos mais conhecidos e procurados por conta da sua cor clara com veios cinzas, que dá leveza para os ambientes e versatilidade para usá-lo de diversas formas. Apesar de lindo, por ser branco, deve-se tomar um cuidado maior, pois é mais fácil manchá-lo.
  • Mármore Travertino: também de origem italiana, o mármore travertino possui veios bem longos e, geralmente, seus tons variam entre tons claros de bege. Por serem mais porosos, é recomendado que seja utilizado em ambientes internos.
  • Mármore Nero: mais conhecido como mármore preto, tem origem na Espanha e sua principal característica é ser preto com os veios brancos se destacando. Esse tipo de mármore oferece muito requinte para os ambientes, deixando-os com uma decoração contemporânea.
  • Mármore Piguês: possui origem grega e é mais parecido com o mármore carrara, porém é uma pedra mais homogênea, com veios mais discretos.
  • Mármore Calacatta Oro: é um dos mármores mais caros do mercado e sua característica é ser branco com veios em tons de cinza e dourado. Deve ser utilizado em ambientes internos para evitar manchas.

Há também outras cores de mármores, além desses que citamos acima. São eles: Marrom emperador, Bege Bahia, Rosso Verona, Crema Marfil, Branco Nacional, entre outros.

Qual mármore é mais barato? E o mais caro?

O que posso dizer sobre o valor do mármore é que ele não é a opção mais barata do mercado. Porém, o acabamento estético que os mármores oferecem para os ambientes é indiscutível. Então, se você optou por utilizar mármore na sua construção, deve estar ciente que precisará reservar uma boa quantidade de recursos financeiros, certo? Mas, por ser uma peça nobre e que valoriza muito a obra, é uma opção bastante interessante.

Se você procura uma opção não tão cara, sugiro que procure por granitos, que também dão um efeito muito agradável para os ambientes.

Assim, os valores do mármore variam conforme seu tipo, cor e tamanho necessário. Por isso, não é possível generalizá-los. O ideal é fazer um orçamento com empresas confiáveis que trabalham com esse tipo de pedra. Um dos mármores mais caros existentes no mercado é o mármore Thassos, com seu metro quadrado podendo chegar por volta de R$ 1.400,00 mas não há nem discussão quanto à sua beleza, pois é um revestimento impecável!

Qual o melhor mármore?

Essa também é uma pergunta muito abrangente, pois tudo vai depender do que você deseja. Então, é importante definir qual mármore é mais interessante para a finalidade que deseja, seja por conta da estética ou até mesmo da manutenção ou outras características particulares de cada um deles.

Por isso, converse com seu arquiteto e faça orçamentos com empresas de confiança para definir qual deles atende melhor às suas necessidades.

Quais são os acabamentos mais comuns para o mármore?

Além dos tipos de mármore que já apresentamos neste artigo, é possível dar acabamentos diferentes para as superfícies, o que também interfere não só na aparência como na manutenção da pedra ao longo dos anos. Por isso, esse é um ponto bastante importante a se atentar antes de definir qual mármore escolher para a sua obra. Vamos entender.

Bruto: esse tipo de acabamento acontece quando a pedra não recebe nenhum tipo de tratamento, sendo utilizada do jeito natural, assim como encontrada na natureza.

Polido: quando recebe polimento, o mármore fica com bastante brilho, porém pode se tornar muito escorregadio.

Jateado: oferece um aspecto áspero para a pedra, sendo mais recomendado para áreas externas por conta da rusticidade.

Levigado: o mármore passa por um processo que deixa sua textura lisa, com aspecto de semi-polido, mas sem brilho.

Como limpar e conservar o mármore?

A limpeza de mármores não exige muitos cuidados diferenciados. Deve ser feita com pano úmido com água e sabão. Algumas pedras, se muito porosas, deve-se tomar cuidado para evitar muito contato direto com água para evitar manchas. Porém, isso é um problema que pode ser evitado ao utilizar um hidrofugante. Além de manter o mármore protegido contra os efeitos da água, facilita a limpeza.

Também é importante contratar bons profissionais para garantir uma boa colocação das peças. Isso faz toda a diferença na conservação da pedra.

Você já conhece BlokSeal? Se não, vou explicar porque você precisa utilizá-lo no mármore da sua construção! BlokSeal é um silicone hidrofugante de alto desempenho que, ao ser aplicado, cria uma invisível camada de proteção que evita a infiltração da água. Assim, além de proteger a superfície contra a umidade, elimina os possíveis problemas de mancha decorrente de infiltração e facilita ainda mais a limpeza, ao impedir o acúmulo de sujeira. BlokSeal também não altera as características do material, deixando você livre para fazer como quiser o acabamento da sua pedra!

Conclusão

Agora que você já sabe tudo sobre mármores, tem informação suficiente para escolher o melhor tipo para a sua obra. Também é importante fazer um bom orçamento com empresas sérias que trabalham com essas pedras além de contratar uma equipe com experiência para realizar o trabalho de forma a evitar problemas no futuro. E, lembre-se de consultar a equipe da Blok para entender qual o melhor produto para ajudar na conservação e limpeza do mármore. Use BlokSeal para garantir mais qualidade para a sua pedra! Você não vai se arrepender. Espero que este artigo tenha te ajudado! Até a próxima.

Entre para o time dos
melhores profissionais
da indústria da contrução civil
e mantenha-se sempre
informado sobre os maiores
avanços da sua profissão.